sexta-feira, 5 de setembro de 2014

Trailer OR/AS (03/09) - Hoenn, 'ontem' e 'hoje' [análise]

Na madrugada de quarta-feira, 3 de Setembro, foi divulgado a partir do Japão mais um trailer de Omega Ruby e Alpha Sapphire, divulgado através do canal de YouTube do ramo nipónico da Pokémon Company. Neste trailer extenso, editado com o intuito de apresentar OR/AS de forma rápida e eficaz, é a região de Hoenn que sai destacada, assim como alguns dos pormenores da história, de forma subtil.

Em ambos os casos, para quem pretende revisitar Hoenn em OR/AS, a sensação de familiaridade e déjà-vu está bem presente neste trailer, que reúne um conjunto de informação gráfica que "faz a ponte" entre a região original e a região que se apresenta nos remakes. Com a excepção de algumas capturas de ecrã já disponibilizadas, este trailer é, provavelmente, o elemento promocional que desencadeia uma maior sensação de nostalgia da terceira geração.



O que se destaca de imediato, ao fazer a comparação entre a região original e "nova" Hoenn é a escala. Hoenn é uma das maiores regiões da série principal de Pokémon, um detalhe que se se manifesta quer nos jogos originais como nos remakes. Em Ruby e Sapphire (tal como em Emerald) a enorme dimensão do mapa foi um reflexo da mudança de sistema de jogo, com o Game Boy Advance a proporcionar uma maior capacidade de armazenamento de dados (nos respectivos cartuchos de jogo) em comparação com o Game Boy. Esta evolução permitiu conceber uma região que abarca uma área semelhante à ocupada pelas regiões Kanto e Johto quando consideradas em conjunto, o que aconteceu na segunda geração (Gold/Silver/Crystal). Não é, portanto, surpreendente que as áreas de jogo de Hoenn, pela sua dimensão, sejam um reflexo imediato dessa evolução.

Região de Hoenn (arte de Omega Ruby/Alpha Sapphire)
No caso dos Omega Ruby e Alpha Sapphire, o factor tridimensional alia-se à extensão das áreas de jogo, conferindo-lhes uma dimensão e profundidade ainda mais evidentes em relação a Ruby e Sapphire, algo que não aconteceu de forma tão evidente em FireRed/LeafGreen e HeartGold/SoulSilver pelo simples facto dos remakes da primeira e segunda geração correrem num motor de jogo 2D, com as limitações óbvias a ele associadas. 
Nas capturas de ecrã e nos breves vídeos disponibilizados de OR/AS notam-se também mudanças em relação a Kalos, nomeadamente ao nível da câmara e perspectiva de jogo, que agora está ligeiramente mais afastada do jogador, salvo os pontuais close-up. O tendencial afastamento da câmara, que pode não parecer evidente à primeira vista, permite, naturalmente, aumentar o campo de visão, conferindo uma perspectiva mais ampla das áreas de jogo que será necessária quer para a orientação do jogador nessas mesmas áreas como para a sua exploração eficaz. Naturalmente, é nos grandes espaços abertos das extensas routes hoennianas que a perspectiva se torna mais ampla, aproximado-se do jogador em espaços fechados (como grutas) ou em áreas urbanas. Em comparação com Kalos, a sensação de "open space" conferida pela tridimensionalidade em Hoenn é, desde já, muito mais evidente.

Tendo em conta o novo trailer, é posível fazer este "exercício" de perspectiva, enquanto se revisitam espaços familiares, agora convertidos em 3D. Em comparação com as áreas de jogo originais, que aparentam ter sido reconvertidas na íntegra para 3D sem alterações de fundo em termos de design, é possível ter uma ideia do espaço concreto que a tridimensionalidade irá conferir a Hoenn:


1 - Route 120 




Route 120 [Emerald]

A julgar pela colocação da vegetação e das poças de água, é de crer que o primeiro "shot" de route do trailer corresponda à route localizada entre a 121 e Fortree City. A ser verdade, já apareceu em captura de ecrã de OR/AS, sendo aqui que o jogador reencontra Steven Stone, o Campeão de Hoenn, que oferece ao jogador o Devon Scope. Neste caso concreto, a Route 120 poderá estar ligeiramente "remodelada".

- - -

2 - Pacifidlog Town


Pacifidlog Town [Emerald]
Segue-se uma área urbana. Os caminhos de troncos sobre a água não deixam espaço a dúvidas quanto à localização. 

- - -

3 - Route 111


Pacifidlog Town [Emerald]
A zona desértica da Route 111 e a única de Hoenn. O jogador encontra um Trapinch selvagem, pormenor que também confirma a localização. Neste deserto localizam-se as Desert Ruins e a Mirage Tower.

- - -

4 - Route 116 




Route 116 (Emerald)
Route 116, entre a cidade de Rustboro e o túnel de Rusturf. A geografia do local não ajuda a uma identificação imediata. A confirmação é dada por parte de um NPC (Non-Playable Character), um School Kid chamado Hideo, conforme se pode ler na legenda em japonês. Nas versões ocidentais, Hideo toma o nome de Jerry e, naturalmente, desafia o jogador para uma batalha através do típico 'cruzamento de olhares'. Tem apenas um Ralts, o que o trailer confirma.

- - -

4 - Base da Team Magma/Aqua
(varia consoante a versão do jogo)

< Omega Ruby   |   Alpha Sapphire >

Base da Team Magma/Aqua (a equipa residente varia conforme a versão)
[Ruby/Sapphire]
Base da Team Magma (Jagged Pass) [Emerald]. Não se aplica em OR/AS.
Nada de novo. A entrada para as bases das Equipas antagonistas da terceira geração foi revelada no trailer de OR/AS divulgado na E3 '14. Tendo em conta que os jogadores chegam a ambos os esconderijos por água e as respectivas versões de jogo, a base da Team Magma será, tal como o da Team Aqua, na gruta-ilha localizada nos arredores da cidade de Lilycove. No caso se Emerald, a equipa liderada por Maxie tem o seu esconderijo localizado no Jagged Pass, que liga a Route 112 ao Monte Chimney, enquanto que a equipa de Archie se mantém em Lilycove.

- - -

5 - Oceanic Museum de Slateport



Oceanic Museum (rés-do-chão) [R/S/E] 
Oceanic Museum (primeiro andar) [R/S/E]
Um espaço interior que não deixa muitas dúvidas quanto à sua identificação. É no Oceanic Museum da cidade de Slateport que o jogador conhece o líder da Equipa antagonista: Maxie em Ruby e Archie em Sapphire. O trailer permite um breve vislumbre desse momento através imagens captadas da versão Omega Ruby, onde Maxie aparece.
O interior do museu aparenta ter sido remodelado em relação às versões originais, não sendo possível confirmar o encontro com Maxie/Archie decorre no rés-do-chão ou primeiro andar, dado que o espaço apresentado é composto elementos comuns aos dois pisos. No entanto, a julgar pelo modelo do S.S. Anne  em exibição, será provavelmente no primeiro piso.

- - -

6 - Meteor Falls



"Fufufu..."
Meteor Falls [Ruby/Sapphire]
O destaque da Team Aqua e de Archie, o seu líder, é dado num rápido "salto" até Meteor Falls, onde a Team Aqua (neste caso, já que se trata de imagens de Alpha Sapphire) rouba o meteorito ao Professor Cozmo, o cientista que está de costas para a câmara. Neste caso particular nota-se, mais uma vez, o quão fiéis as localizações de OR/AS serão aos mapas originais, já que no essencial, a transição para o 3D se mantém fiel à estrutura sua original, permitindo a renovação estética mas salvaguardando a familiaridade dos espaços.

- - -

7 - Centro Espacial de Mossdeep


Centro Espacial de Mossdeep [Ruby/Sapphire]
Centro Espacial de Mossdeep [Emerald]
Um ícone da cidade de Mossdeep, que não deixa espaço para dúvidas. Relembre-se que o Centro Espacial adquire um papel muito mais relevante na história de Pokémon Emerald, o que não acontece em Ruby/Sapphire.

- - -

8 - Granite Cave


Granite Cave (caverna do Steven) [Ruby/Sapphire]

Granite Cave, onde o jogador conhece Steven Stone, Campeão de Hoenn.Ou talvez a expressão mais adequada seja "Campeão". Noutras publicações já destacámos o papel singular de Steven na "trama" de  Omega Ruby/Alpha Sapphire, algo que a Game Freak tem salientado frequentemente ao longo da promoção dos remakes. O jogador irá conhecer Steven na Granite Cave mas os motivos por detrás de deslocação de Steven à gruta foram reinterpretados em relação aos jogos originais: a gruta esconde um espaço onde numa das paredes se encontra pintada/gravado um/a pintura/relevo mural representando Groudon (OR) ou Kyogre (AS). As razões por detrás do interesse de Steven pelos lendários hoennianos são para já desconhecidas mas é de admitir que possa existir uma ligação entre ambos e as Mega Evoluções, das quais Steven é, em Hoenn, o maior representante em termos de conhecimento do conceito, a julgar pela informação disponibilizada.

Por outro lado o papel de Campeão pode estar relegado para segundo plano ou mesmo ausente (daí as aspas usadas anteriormente) neste Steven. Ao contrário do que acontece em Ruby/Sapphire, em Emerald, Steven afasta-se da competição e deixa o lugar de Campeão nas mãos de Wallace. O ex-Campeão torna-se um treinador itinerante, dedicando-se à procura de pedras raras, ajudando o jogador em ocasiões pontuais. Em OR/AS, o papel de Steven assemelha-se ao que desempenhou em Emerald (com as Mega Stones a servirem de pretexto para a procura de "pedras raras") apesar de não se tratar de um remake da terceira versão dos jogos originais. Por outro lado, esta semelhança poderá nem ser relevante na 'big picture', podendo Steven ser Campeão sem deixar de viajar, "unindo-se" o Steven de Ruby/Sapphire com o de Emerald. Caso contrário, Wallace poderá estar no lugar cimeiro da Liga de Hoenn. São hipóteses em aberto.

Em todo o caso, a "vertente Emerald" de Steven parece ser a mais relevante em OR/AS, o que poderá ser um indicador de que alguns detalhes da história de Emerald poderão ser incorporados nos remakes das duas versões originais, descartando-se a hipótese de um eventual remake do terceiro jogo (Delta Emerald). Esta via de actuação não é inédita: em HeartGold/SoulSilver, foram integrados pormenores da história de Crystal (a 3ª versão dos jogos originais de Johto) nas versões dourada e prateada, não tendo sido feito remake da versão 'cristalina'. 
Em todo o caso, informações sobre o papel de Steven em OR/AS só poderão ser respondidas quando os jogos chegarem o mercado, a não ser que a Game Freak adiante mais informação por outros meios. Para já sabemos que, tal como nos originais, o jogador encontra-o pela primeira vez na Granite Cave.

- - -

9 - Mt. Pyre


Mt. Pyre [Ruby/Sapphire]

O terreno acidentado e o cemitério de Pokémon confirma a localização.

- - -

10 - Cidade de Sootopolis 


Sootopolis City [Ruby/Sapphire]
Um Poké Centro numa ilha no meio de um lago não é algo que se vê todos os dias (e muito menos uma visão que se esqueça). Sootopolis, cidade onde o jogador conquista o oitavo (e último) crachá da Liga de Hoenn.

- - -

11 - Ginásio de Sootopolis





Sootopolis GYM
< Líder Wallace [Ruby/Sapphire] | Líder Juan [Emerald] >


A perspectiva do ginásio de Sootopolis é particularmente interessante na medida em que o Líder de Ginásio foi intencionalmente ocultado das imagens do trailer, com o mais que provável intuito de provocar expectativa. O Ginásio de Sootopolis é gerido por dois Líderes, consoante as versões dos jogos originais: Wallace em Ruby/Sapphire e Juan em Emerald, ambos treinadores do tipo Água. Tendo isto em conta, a ponderação de hipóteses torna-se mais interessante se regressarmos ao raciocínio que seguimos anteriormente relativo ao papel de Steven Stone em Omega Ruby e Alpha Sapphire.



Wallace e Juan

Se OR/AS seguir literalmente a via de Ruby e Sapphire, então Wallace será o Líder de Ginásio e Steven Stone o Campeão de Hoenn. Se seguir a via de Emerald, Juan tomará o lugar do seu discípulo (Wallace, que segundo o lore, é apenas um Líder temporário, sendo Juan o 'verdadeiro' Líder do Ginásio de Sootopolis), o que deixa a hipótese viável de Wallace ser o Campeão de Hoenn. Neste caso, Steven Stone terá o papel de treinador itinerante que desempenha em Emerald, reforçando-se a hipótese se outros elementos da terceira versão serem incorporados em OR/AS. 

Em todo o caso, o papel de Wallace poderá ser mais relevante do que se pode pensar à primeira vista, já que como amigo próximo de Steven, o ajuda pontualmente durante os eventos de Ruby/Sapphire o, o que nos leva a ponderar a hipótese de Wallace (à semelhança de Steven e devido à amizade entre ambos os treinadores) ser outro Top Trainer com capacidade de mega evoluir os seus Pokémon, seja através de uma Mega Evolução já conhecida (Gyarados, por exemplo) ou uma ainda por revelar (Milotic?).

Em termos de espaço interior, o ginásio sootopolisense foi totalmente remodelado em comparação com os jogos originais, não permanecendo praticamente quaisquer elementos identificadores para além do gelo no chão e das cascatas junto à plataforma do Líder de Ginásio.

- - -

12 - Safari Zone



Safari Zone [Emerald]
A identificação do local não foi das mais evidentes à primeira vista. No entanto, a presença dos passadiços de metal na primeira captura de ecrã aponta para a Safari Zone de Hoenn. Por outro lado, é o único local de Hoenn onde é possível capturar o Pikachu em estado selvagem, sugestão evidente na segunda captura de ecrã assim como o método de captura ("à mão").

Ficamos também a saber que os "cavalinhos" (wheelies) de bicicleta, característicos da terceira geração, regressam nos remakes.

- - -

12 - Templo/Santuário misterioso



O único espaço divulgado pelo trailer que levanta as maiores interrogações por ser, aparentemente, inédito. 

Desconhecemos a localização deste templo/santuário e tão pouco sabemos ao que está associado. Apenas podemos constatar o óbvio: é um edifício de traço japonês assim como a ponte que lhe dá acesso, com inspirações óbvias nos complexos xintoístas japoneses. A arquitectura relembra outras localizações como a ancestral cidade de Ecruteak em Johto, onde impera a inspiração nipónica ao nível arquitectónico, sobretudo nas suas duas emblemáticas torres-pagode. No entanto, Kanto, Johto, Hoenn e Sinnoh são regiões baseadas no Japão, pelo que o aparecimento de um edifício deste género não é nada de anormal em Hoenn.

O edifício parece estar situado numa caverna e a julgar pela "aura" alaranjada e fagulhas no ar, poderá ser uma caverna de origem vulcânica, encontrando-se no interior de um vulcão ou nas proximidades, o que em Hoenn não seria de admirar. Mt. Chimney ou Mt. Pyre são localizações hipotéticas. Mas Seafloor Cavern ou a Cave of Origin não são hipóteses de descartar pela razão que se segue.
A associação ao subsolo e à actividade vulcânica remete imediatamente para Groudon, pelo que este templo poderá estar associado ao Pokémon lendário e, como tal, ser uma localização exclusiva de Omega Ruby, nem que o seja pela maneira como é apresentada. No telhado do edifício é possível ver um símbolo numa placa dourada que nos parece uma interpretação artística da letra grega omega (Ω), à semelhança do que acontece com as marcas corporais de Groudon. Pista ou imaginação?



Uma outra hipótese interpretativa aponta para a possibilidade de se tratar da rampa/ponte de acesso a um dos membros da Elite 4 de Hoenn. Sidney, a julgar pela ambiência do edifício, será uma hipótese viável a ser verdade.

Update:

No seguimento da publicação desta análise, fizeram-nos chegar uma imagem (uma captura de ecrã entretanto divulgada) que, sem grande sombra de dúvidas, confirma a segunda hipótese. O Blaziken do jogador enfrenta o Shiftry de Sidney numa arena cuja ambiência  se assemelha à do "templo" acima mencionado, seja pela luminosidade alaranjada/amarelada do cenário como por elementos decorativos como o chão (particularmente a cor) ou a cerca vermelha que delimita a arena de combate, que se assemelha à da rampa à ponte/rampa de acesso.


Fica o agradecimento ao nosso leitor Daniel Carrilho pelo envio da imagem e nota comparativa.

- - -

13 - Cave of Origin
(ou Seafloor Cavern)


Primal Groudon (Omega Ruby
Primal Kyogre (Alpha Sapphire)
A dúvida no que toca à identificação do lugar concreto onde o jogador (no trailer) encontra Groudon e Kyogre prende-se com a inclusão da novidade das respectivas formas primordiais, Em Ruby e Sapphire, o jogador encontra os dois lendários pela primeira vez na Seafloor Cavern mas o confronto final só tem lugar na Cave of Origin. A referência aos lendários no trailer está relacionada com a sua transformação da forma normal para a forma Primal, não sendo ainda claro em que local isso acontece e o papel da Blue Orb e da Red Orb no processo (se é que ele existe). Portanto, não é claro se a transformação vem antes da batalha final (Seafloor Cavern) ou se antecede imediatamente essa batalha (Cave of Origin).


Seafloor Cavern (Ruby - esq. | Sapphire - dir.)


Cave of Origin (Ruby - esq. | Sapphire - dir.)




Há no entanto uma pista que aponta para a sugestão da Seafloor Cavern, embora não esclareça a dúvida anterior: o aparecimento de um submarino Sharpedo, possivelmente o que é roubado ao Capitão Stern pelas Teams (Aqua, neste caso) para garantir o acesso à caverna.

- - -

O "périplo" por Hoenn termina aqui, mas o trailer destaca outros pormenores interessantes:


"Ontem" como "hoje":

Excerto da introdução de Omega Ruby, com Brendan de bicicleta (mais precisamente, uma Acro Bike) e Latios a cruzar os céus de Hoenn. Uma imagem marcante de Ruby, que regressa nos remakes. Em Alpha Sapphire, tal como no Sapphire original, é Latias que "saúda" o jogador.








- - -

Mergulho e movimentação subaquática:

A possibilidade de viajar debaixo de água regressa com os remakes, com o fundo do mar em toda a sua glória tridimensional. A exploração subaquática foi um dos elementos de inovação nos jogos originais, o que se compreende tendo em conta que Hoenn é uma região onde a água representa sensívelmente 1/2 da área explorável, dispersa entre secções de mar aberto e arquipélagos. Prevê-se que o nível (e as possibilidades) de exploração seja muito mais profundo (no pun intended) em Omega Ruby/Alpha Sapphire. O "quociente" de superfície explorável é ainda desconhecido em comparação com a área terrestre mas seria certamente agradável saber que praticamente metade da região, selvagem, se encontra pronta a explorar abaixo da superfície.


Fica a dúvida se todos os Pokémon com a capacidade de aprender Surf (HM03) poderão explorar as profundezas e se, tal como é visível no caso do Wailmer do trailer, terão direito a modelos personalizados, variando conforme o Pokémon usado para mergulhar.

- - -

A atenção ao detalhe:

O tratamento gráfico de Omega Ruby e Alpha Sapphire denota uma evolução em relação a X&Y, sobretudo ao nível do cuidado implementado nos detalhes. Do ecrã de jogo (overworld) aos ecrãs de batalha. As cores estão mais ricas, os fundos e os elementos que os compõem (árvores, por exemplo) estão mais detalhados e polidos, quer no exterior como em espaços interiores. 
Neste último caso, o ecrã de batalha do ginásio da cidade de Dewford, que aparece no trailer e tem Brawly como Líder, é particularmente evidente. Os espaços são personalizados de forma muito evidente, representando o estilo característico do local. O ginásio de Dewford é literalmente (passe-se a redundância) um ginásio, com o típico soalho de madeira que característico de espaços como ginásios e dojos, espelhos e aparelhos de manutenção, associando-o o espaço quer às artes marciais como à manutenção física que caracteriza os Fighting-type.

Nota. O Makuhita de Brawly está dois níveis abaixo (16) do nível que apresentava em Ruby/Sapphire (18) e a três do nível de Emerald (19). Os Pokémon dos Líderes de Ginásio terão, provavelmente, níveis modificados em relação aos jogos originais.

As animações, como as do jogador em contexto de batalha, foram também revistas e melhoradas.





Super-Secret Bases e Contests:

O trailer divulga mais algumas imagens destas duas actividades sui generis da região de Hoenn. No que a Contests diz respeito, os Pokémon poderão recorrer à forma Mega para seu benefício em termos de fabulousness, caso tenham a possibilidade de mega-evoluir, obviamente. A recém revelada Mega Altaria é o exemplo usado no trailer






- - -

Novas Mega Evoluções (transformação):

Mega Audino, Mega Salamence, Mega Slowbro e Mega Altaria, respectivamente.


- - -

Mega Lopunny em ecrã de batalha:


- - -

Cosplay Pikachu em batalha:

Flying Press Pikachu
A mascote da franquia a usar o signature move de Hawlucha
- - -

Figuras brinde para as pré-reservas de OR/AS no Japão:

Que, verdade seja dita, aparentam ter uma qualidade superior às figuras oferecidas nas pré-reservas europeias.



- - - 

Excertos promocionais em vídeo de OR/AS em qualidade (e epicicidade) CGI (Computer Generated Imagery):




- - -
Nota de agradecimento

Ao Marco André, prezado seguidor do PCB, pela ajuda prestada na clarificação de algumas das localizações de Hoenn, cuja identificação se revelou mais complicada.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Shaymin Pokeball