quinta-feira, 10 de dezembro de 2015

Sceptile confirmado em Pokkén Tournament [análise]

Eis o anúncio reservado para hoje, 10 de Dezembro. O prometido é devido e após uma breve e acidental (?) aparição numa das arcadas de estúdio do programa Pokémon Get☆TV do passado Domingo, ficamos hoje a saber que este cameo não foi feito ao acaso. "Coincidências" deste tipo raramente o são a não ser devido a leaks acidentais, o que não é o caso. A novidade chega-nos em formato de trailer de revelação, mais abaixo na publicação, disponibilizado no canal oficial nipónico da Pokémon Company.



Sceptile, o último estágio evolutivo (natural) de Treecko, o Pokémon inicial de Erva da região de Hoenn foi hoje confirmado como lutador do roster de Pokkén Tournament. Junta-se ao 'colega' regional de Fogo, Blaziken, ficando apenas em falta Swampert para o trio inicial de Hoenn figurar no jogo. Naturalmente, esta revelação torna agora sólida a hipótese do inicial de Água ser outro dos lutadores a revelar até ao lançamento do jogo na sua versão para Wii U, em Março de 2016 (Japão), não estando no entanto fora de questão a possibilidade de outros lutadores serem adicionados a Pokkén após o lançamento, via DLC.




Como não podia deixar de ser, o foco do vídeo de revelação, para além de uma breve demontração da jogabilidade de Sceptile, dos seus principais golpes e do seu estilo de luta (eventualmente inspirado numa arte marcial concreta à semelhança de outros Pokémon - ajuda com a identificação do estilo é bem vinda.) é, obviamente, a respectiva Mega Evolução. 

Numa análise preliminar ao estilo de combate, há um pormenor que destaca Sceptile dos restantes lutadores de forma bastante evidente: a relativa lentidão de movimentos. Ao contrário da vasta maioria de lutadores de Pokkén até agora conhecidos, o estilo de luta deste Pokémon é, pelo que se pode constatar, mais calculado, focado em golpes "cirúrgicos" (compostos sobretudo por golpes corpo-a-corpo) com apoio de ataques de distância onde surgem golpes da movepool característica do Sceptile (Frenzy Plant, Leech Seed (usada ofensivamente?) possivelmente Grass Pledge/Leaf Storm e Bullet Seed/Seed Bomb, um destes últimos usado na forma Mega) e, fiel ao elemento que representa, golpes de cura como Mega/Giga Drain. Leaf Blade aparenta ser um dos golpes de proximidade.

Mais uma vez, a complementação entre golpes físicos e golpes característicos do Pokémon demonstra o cuidado da equipa da Bandai Namco em desenvolver um fighter game que, sendo original na abordagem que faz aos Pocket Monsters, mantém características essenciais e familiares do combate dito 'tradicional' de Pokémon (característica transversal a outros spin-offs da franquia), adaptando-as dos turnos ao combate em tempo real de uma forma harmoniosa, visualmente irrepreensível mas acima de tudo, jogável. A transição 'turno-tempo real' será (ou seria), sem surpresas, um dos maiores desafios colocados à equipa de Katsuhiro Harada durante o período de desenvolvimento de Pokkén Tournament. Pelo que se pode constatar, as perspectivas são bastante animadoras neste especto em particular.

Mega Sceptile

A acompanhar Sceptile, Farfetch'd e Electrode são revelados como Pokémon suporte em batalha.


Em suma, o roster de Pokkén Tournament conta, à data desta revelação, com três Pokémon iniciais, dois de Hoenn (Blaziken e Sceptile) e um de Kanto (Charizard), sendo que dois são de Fogo e um de Erva. Água está (por enquanto?) ausente do roster
Ficam as dúvidas no ar: Swampert brevemente? E se sim, Blastoise e Venusaur poderão vir a juntar-se a Charizard em representação de Kanto? Greninja como representante de Kalos? Então e Johto, Sinnoh e Unova?

Gostaram desta revelação? Ainda esperam mais?



Sem comentários:

Enviar um comentário

Shaymin Pokeball