Pokémon: Paldean Winds – Episódio 3

Saudações Treinadores, daqui fala o KuroBlitz, e trago-vos mais uma análise sobre a minissérie mensal de episódios decidada exclusivamente à região de Paldea – Pokémon: Paldean Winds – hoje tendo sido lançado o 3º episódio intitulado “Take a Breath“, dedicado a Hohma, um aluno do clube de jornalismo da Naranja Academy, e ao seu parceiro Quaxly. Sem mais demoras, deixo-vos o sumário da situação.

Nemona conseguiu derrotar Aliquis 3 vezes de seguida, mas isto não é uma notícia suficiente para que Hohma tenha o seu artigo escrito no jornal da escola, e ele ainda tem que contribuir para o vídeo promocional que o diretor Clavell pediu para ele estar encarregue de, juntamente com Ohara, a protagonista do primeiro episódio que se familiarizou com Arven.

Ele decide entrevistar a Team Star para ter o seu furo jornalístico.

Hohma caminha até ao nordeste da região de Paldea, em fronteira com o que seria a cordilheira dos Pirinéus e sul de França… quero dizer, Kalos (estamos no 10º aniversário de XY, é claro).

Lá, ele conhece Carmen, uma das Grunts da Caph Squad com a sua Cyclizar, e Hohma pretender estar interessado em juntar-se ao grupo de “rufias”.

Hohma acaba por descobrir os planos do Starmobile, sendo fortalecidos por 2 Varoom e 1 Revavroom, mas acaba por ser apanhado, contudo não é castigado, pois Hohma é visto como um igual para Team Star, um estudante que se sente negligenciado.

Isto capturando a atenção da líder da Caph Squad – Eri, especialista em Pokémon do Tipo Lutador, e do sua parceiro – Annihilape (este estando visivelmente irritado, contudo mostrando um certo nível de disciplina).

Ela decide treinar Hohma, com marchas e poses, ao ponto que o seu Quaxly acaba por evoluir para Quaxwell (uma excelente pista para o tipo Lutador de Quaquaval).

Entretando, devido a um Squawkabilly de plumagem verde que entrou na tenda, o Revavroom fica descontrolado, levando o Starmobile em loucura por toda a base, até ser salvo e acalmado por Eri graças a uma Lum Berry (cura confusão). Eri aqui, é perfeitamente demonstrada como uma “gigante gentil”.

Eri agradece a Hohma e zela pelo seu bem estar, e este por ter tido uma excelente experiência e ver a Team Star por que eles verdadeiramente são, decide não publicar o artigo, mostrando compaixão e deixando o seu ego competitivo de parte.

Ele ainda é animado por Quaxwell, ainda energético mas agora mais proficiente com os seus movimentos.

Após falar com Ohara e Aliquis, eles tentam contactar Iono, ainda sem resposta.

Eles decidem que o vídeo ter que ser algo que capte a atenção de influncer para colaborar, ao ponto em que Hohma quer pedir a Geeta para falar com os outros Líderes de Ginásio e Elite 4, deixando Aliquis encarregue disso. Já Ohara ir falar com os professores e ter uma orquesta com Ryme, enquanto Hohma foca-se nas 10 Vistas de Paldea.

Estou curioso para saber quem se irá estrear no 4º e último episódio do próximo mês. Muito provavelmente a Penny já que ela esteve ausente hoje, mas como Eri é a “Admin” mais forte da Team Star; tendo uma equipa de Pokémon por volta de nível 55; e até sendo o último dos 18 crachás de acordo com a ordem recomendada deste jogo open-world, fez sentido ela substituir Cassiopeia como cameo de Boss final.

O objetivo é mostrar a todo o mundo que a vida escola nesta região transcende os limites da Academia. E agora podem com o código TEAMSTAR podem obter o vosso Revavroom em Pokémon Scarlet e Violet.

Em caso de quererem ver o episódio, podem vê-lo em baixo. Até lá, deixou-vos com estas novidades. Sem mais demoras, despeço-me com melhores cumprimentos. Até uma próxima.



Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.